PASSEIOS  REGIÃO NORTE  

Bérgamo: O que ver na Cidade Alta e Cidade Baixa

Por Patricia Zaina, em 04/03/2016

Surpreendente e com uma ótima atmosfera, é uma cidade dividida em duas: Cidade Alta e Cidade Baixa. Bérgamo é uma das surpresas agradáveis da Itália, há menos turistas em comparação a Roma, Milão e Veneza, mas é uma cidade com um charme incrível.  Ao chegar na Cidade Alta,  na praça Mercato delle Scarpe temos a sensação de estarmos em uma cena de filme medieval, com torres, ruazinhas de pedras, portas antigas, e um pouco mais distante no topo de uma colina encontramos o  Castello di San Vigilio.  Localizada no norte da Itália, e de fácil acesso, esta apenas 1 hora de trem de Milão. Para quem estiver hospedado em Milão é um ótimo passeio (para conhecer um pouco da história da cidade, informações de como chegar e se locomover,  clique aqui).

Visitei Bérgamo algumas vezes pois morava em uma cidade vizinha, enquanto aguardava a conclusão do meu reconhecimento da cidadania italiana (para saber como foi meu processo, clique aqui). Cheguei na cidade nos meses  de junho e julho, entre a primavera e o início do verão italiano; os jardins , lojas e sacadas das residências estavam sempre floridos e coloridos. A arquitetura da Cidade Baixa é ampla e plana com belos jardins, ruas mais largas, ótima para quem aprecia caminhar.

Bergamo Baixa - Ciao Bella Italia

Arquitetura – Cidade Baixa

 

CIDADE BAIXA

A estação de trem, ônibus e comércio estão localizadas nesta parte da cidade.

 

EXPLORANDO A CIDADE 

Para aqueles que preferem fazer o percurso a pé, ao sair da estação de trem seguir para a rua Viale Pappa Giovanni XXIII, é uma rua ampla com comércio de lojas , bares e restaurantes.  Alguns dos pontos turísticos estão nesta rua, como a igreja Santa Maria Immacolata delle Grazie, um pouco mais adiante  encontramos  a Porta Nuova, antiga porta da cidade e a Torre dei Caduti na Viale Roma,  uma homenagem feita aos mortos da Segunda Guerra Mundial. Desde maio de 2015, a torre esta aberta para visitação.  Para subir os 45 metros da torre com seus 188 degraus, o bilhete custa 3 euros. Do topo da torre é possível apreciar a beleza do centro da cidade.

Bem próximo a Porta Nuova, encontramos a Via Sentierone, é uma rua conhecida e frequentada por moradores locais, aos domingos acontece um comércio de flores e alimentação neste local.

Porta Nuova - Cidade Baixa - Ciao Bella Itália

Edifícios neoclássicos – Porta Nuova e Torre dei Caduti (Cidade Baixa)

Torre dei Caduti - Bergamo Baixa - Ciao Bella Italia

Torre dei Caduti, ao fundo as muralhas para Cidade Alta

A poucos metros de distância da Porta Nuova está uma das tradicionais ruas de compras, a Via XX Settembre, e  a Via Zambonate, no cruzamento destas ruas chega-se a Piazza Pontida, um  local com movimento nos bares, lojas e restaurantes e, na arquitetura nota-se a presença de arcos medievais.

Perto dali  está a Via Sant ´Alessandro, conhecida pelo comércio local, um dos caminhos de acesso a Porta de San Giacomo, um dos muros de entrada para a Cidade Alta.

Bérgamo é para ser descoberta sem pressa,  com seus detalhes, seus arcos nas construções típicos de cidades medievais italianas.

Cidade Baixa - Ciao Bella Italia

Centro Comercial – Cidade Baixa

 

MAPA – CIDADE BAIXA

Alguns dos pontos turísticos de interesse:

Clicar nos marcadores para exibir a legenda:

 

CIDADE ALTA

Diferentes caminhos levam até a Cidade Alta:

  • Funicular

Uma das opções é através do funicular, parecido com um “trenzinho” que te leva até a praça Mercatto delle Scarpe, na parte alta.  Na Cidade Baixa, a bilheteria fica na Viale Vittorio Emmanuelle II, e o bilhete custa 1,30 euros.

Funiculare - Cidade Baixa - Ciao Bella Italia

Funicular – a caminho para Cidade Alta

  • Percurso a pé

Há diferentes percursos para aqueles que preferem fazer o caminho a pé.  Há outras opções de trajetos além dos citados abaixo, procurei deixar o registro dos caminhos que fiz, em todos os caminhos é possível apreciar a bela vista.

Via Sant´Alessandro

Uma das opções é através da Via Sant´Alessandro, rua próxima a Piazza Pontida, seguir até o final desta rua, chegamos a Porta de S. Giacomo, uma das portas de entrada para a Cidade Alta.  Ao atravessar a porta, estamos na Viale Delle Mura, via principal de entrada para a parte alta.  A praça Mercato delle Scarpe, esta a poucos metros de distância.

Via S. Alessandro - Citta Bassa - Ciao Bella Italia

Via Sant`Alessandro – a caminho da Porta de San Giacomo

Porta di S. Giacomo Bergamo Alta - Ciao Bella Italia

Porta di San Giacomo

Uma outra opção é na Viale Vittorio Emanuele II,  seguir para Via Don C. Botta até a Via Sant´Alessandro, onde há uma escadaria “Scaletta di S. Alessandro”, depois é só continuar a subir a Via Sant´Alessandro.

Scaletta-di-S-Alessandro

Scaletta di S. Alessandro

 

Via Salita di Scaletta 

Pequena escadaria localizada a poucos passos antes da bilheteria do funicular na Cidade Baixa. Uma dica, é melhor fazer este caminho no retorno para a Cidade Baixa,  por ser uma escada com largos degraus,  a subida pode tornar-se um  pouco cansativo. No final desta caminhada chegamos na Porta de San Giacomo, na Vialle delle Mura.

Via Uscita di Scaletta - Citta Bassa - Ciao Bella Italia

Via Salita di Scaletta

 

EXPLORANDO A CIDADE

A praça Mercato delle Scarpe na Bérgamo Alta, é o ponto de partida e chegada do funicular. Aqui as ruazinhas são estreitas e de pedras, continuamos a direta na Via Gombito,  a rua principal da Cidade Alta e que nos leva até a  Piazza Vecchia (Praça Vecchia) , praça renascentista e o coração da cidade.

Nesta praça estão Palazzo Nuovo (Palácio Novo), um grandioso edifício branco com arcos do século 17, atualmente é a sede da biblioteca cívica Angelo Mai;  Palazzo della Ragione (Palácio da Razão) do século 12,  foi sede da primeira prefeitura da cidade e sede da justiça, hoje em dia exibe a cultura e história da cidade; o Campanone (Torre Cívica), todas as noites ás 22:00 horas, o sino toca 100 vezes, uma tradição para lembrar a época em que os portões de entrada da cidade eram fechados;  é aberta para visitação e o bilhete custa 3 euros. A Universidade de Bérgamo, que oferece curso de idiomas para estrangeiros também esta nesta praça.

Piazza Vecchia - Bérgamo Alta

Praça Vecchia – Palazzo della Ragione e Campanone

Ao atravessar o Palazzo della Ragione e antes de chegar na Piazza Duomo , ao olharmos para o chão, encontramos a Meridiana Monumental, um relógio solar construído em 1798, possui  sinais do zodíaco ao seu redor.

(esquerda) Relógio Solar – no chão sob os arcos do Palazzo della Ragione e (direita) Piazza Duomo – Basílica de Santa Maria Maggiore (esquerda) e Capella Colleoni

Os monumentos mais importantes estão concentrados na Piazza Duomo, entre eles: a Catedral Duomo, de grande beleza o seu  interior, é dedicada a  Sant´Alessandro patrono da cidade, a Basílica de Santa Maria Maggiore com estilo renascentistas e barrocos e interior impressionante foi construída no século 12.  A Cappela Colleoni, construída no século 15  com sua fachada de mármore rosa e branco, e estilo do Renascimento Italiano serviu de mausoléu para Bartolomeo Colleoni, chefe militar italiano.

Duomo_Cappella Colleoni _Cidade Alta

Piazza Duomo – Cappela Colleoni (esquerda) e Igreja Duomo (direita)

Via Gombito, é uma das vielas principais da Cidade Alta com movimento de pessoas e comércio de lojas.

Via Gombito - Cidade Alta - Ciao Bella Italia

Via Gombito

Continuando em direção ao Castelo de San Vigilio, encontramos a Via B. Colleoni, com lojas, restaurantes, bares, hotéis, e próximo dali esta a Piazza Mascheroni,  uma praça do século 16 e 17.  No centro da praça esta a Torre della Campanella.

Torre della Campanella - Cidade Alta - Ciao Bella Italia

Torre della Campanella

Ao cruzar a torre, chegamos na Piazza della Citadella (Praça Citadella), ali estão o Museu Archeologico (Museu Arqueológico) o bilhete para o ingresso custa 3 euros, e o Museo di Scienze Naturale (Museu de Ciências Naturais) a entrada é gratuita. No verão, época que visitei a cidade, aos domingos acontecia um “bazar” na Piazza della Citadella, pessoas da cidade expondo seus trabalhos artísticos.

Segui o caminho para o Castelo de San Vigilio, logo após passar pela Citadella, estamos no Largo Colle Aperto, os ônibus de turismo, os ônibus que fazem o percurso do aeroporto (ATB Linea 1) e os ônibus que circulam da Cidade Baixa para Cidade Alta param neste local, pois não é permitido a entrada de ônibus e automóveis na Cidade Alta.  A poucos passos adiante, esta a Porta S. Alessandro,  porém antes resolvi ir até o Orto Botanico di  Bergamo “Lorenzo Rota”, localizado a poucos metros de distância dali.

Largo Colle Aperto - Cidade Alta

Vista do Lago Colle Aperto – Inicio do verão

O Orto Botanico di Bergamo “Lorenzo Rota”  é um local tranquilo e incrível  para quem aprecia o contato com a natureza, além de oferecer uma bela vista panorâmica da cidade.  É um lugar pequeno e as duas vezes que estive no Orto não havia muitos visitantes, é um local que possui uma grande variedade de plantas e flores. Há espaço com bancos nos jardins para aqueles que preferem relaxar e descansar.  Uma das entradas ao Orto, a Scalinatta Cole Aperto, esta localizada alguns passos do Largo Colle Aperto. O ingresso é gratuito. Horários de visitação: a abertura é sempre das 10:00 às 12:00 e reabre as 14:00 e o horário do fechamento depende do período mês. O horário atual, pode ser consultado no site do Orto Botanico (consulte aqui).

Orto Florestal Citta Alta

Panorâmica – Orto Botanico

Orto Florestal - Bergamo Alta

Jardins do Orto Botanico

Retornei á Porta S. Alessandro, dali parte o funicular para o Castelo di San Vigilio, o bilhete custa 1,30 euros. O clima estava agradável então preferi subir o caminho a pé, aproximadamente 20/30 minutos.  É  uma das áreas mais arborizadas da Cidade Alta.

(esquerda) Porta S. Alessandro e (direita) Vista panorâmica da Cidade, ao fazer o caminho a pé até o Castelo

Ao chegar no outro topo, o funicular esta a poucos passos do Castelo e, ao redor há bons bares e restaurantes. A região é muito bonita, com jardins ao redor do castelo.

O Castello di San Vigilio  está situado no topo da colina, a 500 metros de altura,  em uma posição estratégica que permite uma magnífica visão panorâmica da cidade. Foi construído para proteger o território, o início da construção é do século 6, mas somente no século 9 o local ganhou importância, a construção de uma capela dedicada a Santa Maria Madalena. O castelo é aberto para visitação e a entrada é gratuita.  Horários de visitação: Abril a Setembro: das 9:00 às 18:00, Março e Outubro: das 10:00 às 18:00, de Novembro a Fevereiro: das 10:00 às 16:00.

Entrada Castello San Vigilo

Castello di San Vigillio

Interno Castello San Vigilo

Interno – Castello di San Vigillio

Vista Castelo

Jardins – Castello

Vista castello

Vista do Castello

Jardins Castello San Vigilo - Cidade Alta

Parque ao redor do Castello

O castelo está situado na região  Parco dei Colli.

 

 MAPA – CIDADE ALTA

Alguns dos pontos turísticos de interesse:

Clicar nos marcadores para exibir a legenda

 

Planeje sua viagem !

Faça as suas reservas e contrate os serviços através dos links de empresas parceiras do blog.

 Reservas de hospedagem, Booking. Pagamento feito somente no check-in e cancelamento antecipado gratuito.

  Seguro Viagem, SegurosPromo.  Informe o código promocional CIAOBELLAITALIA5 para garantir 5% de desconto. Para a Europa é obrigatório adquirir um seguro viagem com cobertura mínima de 30.000 euros.  Solicite a sua cotação.

  Aluguel de Carros, RentalCars.com. Compare e consulte a reserva online com as principais locadoras do mundo.

  Passagens de trem pela Europa, RailEurope.

   Passeios turísticos pela Itália com agência especializada no idioma português, Bonjour Italie.

   Intercâmbio, cursos de idiomas na Itália e outros destinos, com a Beetrip.

   Roteiro personalizado de viagem criado sob medida. Conheça como funciona, aqui.

  Transferência | Envio de dinheiro ao exterior, Transferwise.

 

Nos acompanhe nas redes sociais:

 


Leia também:

  • Planeje sua viagem por Bérgamo: como chegar, se locomover,  temperatura atual e um pouco da história da cidade.

 

Viaje por outras regiões:

 

Compartilhe:

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*