Região Norte

VERONA

Por Patricia Zaina, em 08/09/2016

Considerada Patrimônio Histórico pela UNESCO devido a sua estrutura urbana e arquitetônica, Verona é uma cidade que se desenvolveu ao longo dos anos.  Com uma arquitetura medieval preservada, monumentos romanos, prédios entre tons alaranjados e rosados, é uma encantadora cidade cortada pele rio Ádige, na região do Vêneto.

Verona

Panorama Verona, do Castelo San Pietro

O rio Ádige é o segundo maior da Itália e da região,  cerca de 410 km de extensão, o primeiro é o rio Pó. Ao longo do rio muitas pontes cruzam a cidade, uma delas é a Ponte di Pietra, construída para ligar o Teatro Romano ao centro histórico. Única ponte com arcos romanos que permaneceu até os dias de hoje, foi concluída em 100 A.C e destruída durante a segunda guerra, e meados de 1957  foi reconstruída com materiais originais.

Ponte di Pietra

Do outro lado do rio, construções coloridas compõem a arquitetura.

ciaobellaitalia_verona-1-3

Ponte di Pietra – Edifícios coloridos

O percurso do  rio Ádige apresenta outras pontes que margeiam a cidade, uma delas é a Ponte di Castelvecchio ou Scaligero, duas pequenas torres estão apoiadas na ponte.  Construída entre 1354 e 1356 foi utilizada como caminho de fuga da família que governava a cidade no período de sua edificação. Bombardeada na segunda guerra, foi reconstruída nos anos 50. Faz parte do Museu de Castelvecchio, no qual atualmente funciona o Museu Cívico de Verona.

Ponte Castelvecchio ou Scaligero ao fundo

Com um centro histórico movimentado e centrado, é uma cidade organizada, de ruas planas, largas e belas vielas. Ao caminhar pela cidade são encontradas numerosos edifícios coloridos e janelas floridas, dependendo da estação do ano.

Pequenas vielas nos arredores da Piazza delle Erbe

É conhecida pela história de romance entre Romeu e Julieta ambientado na cidade. A Casa de Julieta é uma das atrações locais com grande movimento de turistas,  um cenário construído baseado na história de Willian Shakespeare.

Verona é uma cidade vibrante e colorida, com belas praças: a Piazza Bra possui uma atmosfera alegre e belos edifícios coloridos, aqui está situada a Arena de Verona onde acontece apresentações musicais e teatrais. A Piazza dei Signori conhecida também como Piazza Dante, possui uma torre medieval – a Torre dei Lamberti, construída no século 12 , onde do topo é possivel avistar uma bonita vista da romântica cidade.  A Piazza delle Erbe, possui ao seu redor construções medievais e um pequeno comércio no centro da praça.

» Conheça neste post aqui, 10 sugestões do que ver em 1 dia pela cidade «

Piazza Bra, edifícios coloridos

ciaobellaitalia_verona-7

Comércio no centro da Piazza delle Erbe. Ao fundo o Palazzo Maffei com estátuas dos deuses no topo.

 

O Giardino Guiusti, situado próximo ao Teatro Romano é um tranquilo jardim do século 16 com cercas-vivas.  No blog há um post sobre o  local, leia aqui.

 

UM POUCO DE HISTÓRIA

Construída pelos celtas e dominada pelos romanos em meados de 89 a.c,  tornou-se capital regional e resistiu às invasões de ostrogodos e francos em 489 d.c e 754 d.c. No ano de 1107 tornou-se uma comuna livre. No fim do século 13 foi dominada pela sucedida familia Scaligeri, que teve um grande período de poder politico, econômico e expansão territorial.  Os seus vestígios de expansão estão presentes até hoje na arquitetura medieval, com um bom número de Castelos Scaglieri espalhados pela província como: o Castelo Soave em  Malcesini, o Castelo Montorio em Verona-Villafranca, o Castelo em Torre del Benaco , o Castelo em Valeggio sul Mincio, Castelo em Sirmione entre outros. No período de 1387 foi de destituído pelos Visconti de Milão. Em 1402 depois de dominada por diferentes povos, Verona voltou-se para a república de Veneza, fazendo parte da Sereníssima (a República Veneziana) até 1797 quando passou para os austríacos, que a governaram até 1866. Após este período, Verona e Veneza foram incorporadas ao Reino da Itália.

 

 ONDE FICA

Em uma localização privilegiada ao norte da Itália na região de Vêneto, é uma excelente base para conhecer o nordeste da Itália.

 

COMO CHEGAR

Verona está localizada entre Milão e Veneza. Aproximadamente 1h30 em trem veloz da estação Milão Central (Milano Centrale) e cerca de 1h20 da estação Veneza S. Luzia (Venezia Santa Lucia). No site da Trenitalia é possível fazer uma simulação: consultar valores, horários e comprar o bilhete, ou pode ser comprado diretamente nas estações.

O Lago di Garda (Desenzano del Garda-Sirmione) também está próximo,  30 minutos de distância de trem. Há opção de ônibus que parte de diferentes cidades da região do Lago di Garda até Verona. A empresa ATV Verona é uma das opções.

TREM

Verona Porta Nuova: É a principal estação da cidade.  Do lado externo, estão os ônibus que leva até o centro histórico, ou se preferir as principais atrações estão cerca de 15 minutos de caminhada.

Verona Porta Vescono: Localizada um pouco mais distante do centro histórico.

AEROPORTO

O aeroporto de Verona-Villafranca, opera voos para diferentes cidades italianas e países da Europa. Situado a 12 Km do centro da cidade, há um ônibus que faz a ligação até a estação de trem Verona Porta Nuova. Outras opções de transfer são para a região do Lago di Garda e Alto Adige. Informações podem ser consultadas aqui.

 

 COMO SE LOCOMOVER

O centro histórico é de fácil locomoção a pé ou de transporte público. Há opção de conhecer algumas atrações com o ônibus de turismo “CitySightseeing Verona”  – ônibus vermelho de dois andares.

 

INFORMAÇÃO TURÍSTICA

IAT Verona:

Via degli Alpini, 9 – Piazza Brá

Horário de funcionamento: Segunda-Sábado: 9:00 às 17:00. Domingo: 9:00 às 15:00.

 

  TEMPO EM VERONA

Previsão para os próximos dias:


 

 NA REDE

Site Turismo Verona: Turismo Verona

Site Turismo Vêneto: Turismo Veneto

 

O QUE FAZER EM VERONA

Confira nossa sugestão:

  • Roteiro de 1 dia em Verona, clique aqui.
  • Visita ao Giardino Giusti: um belo jardim no coração de Verona, leia aqui.
  • Passeio de ônibus turístico – Verona City SightSeeing , leia aqui

 

 UM PASSEIO POR OUTRAS REGIÕES DA ITÁLIA

 

Compartilhe: